FaleRPG - Mensagens Recentes

Bem-vindo, Visitante. Por favor faça o Login ou o Registro.
Julho 20, 2018, 11:44:32 am

Início Ajuda Busca Calendário Logar-se Registrar Jogar Dados Voltar para o Site The Geek Space 9
+  FaleRPG
|-+  Mensagens Recentes

Mensagens Recentes

Páginas: [1] 2 3 4 ... 10
1
O Reino da Vastidão de Além-Mar / Re:Capítulo Um - A Ilha dos Desafios
« Última Mensagem: por Wyczek Online Julho 15, 2018, 12:50:10 am »


Iyas

Chamou-lhe a atenção do tato uma textura muito macia de algumas calças e coletes coloridos e um pouco espessos demais para seu gosto, mas que pareciam ser combinações de indumentárias típicas de regiões desérticas­ — interessante coincidência...! —, quem sabe de alguma etnia desconhecida do Continente Árido? Algum lugar mais frio talvez.

Enquanto analisava aquelas misteriosas roupagens, quase não percebeu a presença sutil de uma figura larga e sombria se aproximando ao seu lado; estranhamente, apesar do tamanho não-humano, seus movimentos eram tão pouco ameaçadores que você não se sentiu desconfortável, até olhar aturdido para seu rosto...! Isto, no momento em que uma voz bem grave porém inusualmente vagarosa o cumprimentava:

Booom diia, Senhoor! Como posso ajudáá-lo? — tratava-se de um robusto minotauro de pelagem preta e lustrosa. Mas tinha um aspecto protocolar bastante educado e...... bucólico, por assim dizer! Ele era o mercador daquela tenda; então ficou a olhar pausadamente para você, talvez de memória comparando seus trajes com aquilo que ele vendia, ou quiçá examinando traços de seu distante fenótipo do Quozor. Por sua vez, o vendedor ruminante-antropomorfo vestia uma túnica azulada com um recorte aberto na altura do peito no qual pendia um talismã dourado incrustado de joias brilhantes diversas, e tinha um cinturão de pano com várias bolsas do mesmo material; tinha no focinho e nas orelhas alguns piercings metálicos elegantes demais pro seu gosto (homens do Continente Árido comumentemente usam brincos e às vezes outros tipos de adornos, porém raramente desta excentricidade aqui) com várias correntezinhas penduradas e cheias de adornos e sim, mais cristais. No todo, a você parecia, uma efígie pra lá de cabalística.
2
O Reino da Vastidão de Além-Mar / Re:Capítulo Um - A Ilha dos Desafios
« Última Mensagem: por Ninna N. P. Gomes Online Julho 14, 2018, 08:00:08 pm »
O brilho em seus olhos logo sumia tão rápido quanto veio, Retha bufava pela leve tristeza que teve em não haver nada para ouvir. Quando estava para responder Cael, a garota leva um susto pelo movimento, ou entusiasmo, da Vanessah. Agora levantava a postura, agora com os braços esticados com suas mãos segurando ambos os calcanhares, com as pernas cruzadas. Acompanhava a fada com uma risada leve até perceber que Retha estava sendo o foco das atenções, piscando rapidamente:

— Ãaah, Claro! Vamos sair e descobrir mais sobre a ilha e sobre o desafio. Eu própria depois de um longo sono, esqueci dos detalhes. He,he,he. Levava uma mão para atrás da cabeça e coçava com um sorriso torto. Continuava, mais determinada: — Bem, agora tendo o dois acordados, podemos sim sair para a cidade!

A garota se movimentava para fora da cama, logo que terminou a fala, dando espaço para o elfo ruivo pudesse fazer o mesmo. Se fosse o caso de sair, ela levaria apenas o necessário e não a mochila inteira, enquanto estivesse fora o objeto estaria em um local seguro no quarto, ou ao menos seguro da Allegro. Tendo um súbito estalo, fala novamente para qualquer um dos dois acordados: — Olha, a Allegro agora esta debaixo de uma cama com um tropázio azul. Então... Quem ficará para cuidar da criança?
3
O Reino da Vastidão de Além-Mar / Re:Capítulo Um - A Ilha dos Desafios
« Última Mensagem: por Wyczek Online Julho 12, 2018, 05:46:28 pm »


Retha e Cia. [-Iyas]

Cael, ainda perplexo pelo súbito despertar, mas sem aparentar o cansaço físico de antes, fitava-a nos olhos. Então balbuciou algumas palavras incompreensíveis, depois conseguindo articular as seguintes palavras dirigidas a você:

C-c-como é...? S-senhorita Retha, eu simplesmente... eu não sei o que aconteceu! — parou e pensou olhando para as próprias cobertas, e depois para a janela — Que horas são agora? — indagou um pouco aflito.

Vanessah rapidamente toma a palavra e diz quase gritando:
Mas é óbvio, né, Caelzinho?! Minha magia mágica incrível neutralizou toda a rebentação que essa ressaca horrível do mar provocou na gente...! HAHAHAHAHA!!! — assentava-se numa gargalhada estridente e orgulhosa; depois de um momento, disse a você: — E você, Rethinha? Você não parece cansadinha hoje, não é mesmo...? Aaah! Vamos conhecer a cidade então?? — disse de repente, exaltada.

Quanto à breve vistoria que você fez através da janela do quarto, havia do lado de fora uma espécie de jardim a ceu aberto, ou corte interna, de área retangular comprida (com piso na altura do 2º andar mesmo) apresentando bastantes plantas diversas e bem cuidadas, com longos caminhos de um madeirame enquanto assoalho, ladeando as paredes limites.



não existe uma boa representação imagética no momento, mas o conjunto destas imagens deve contribuir para uma melhor visualização do tipo de ambiente:

Spoiler for Hiden:
Spoiler for Hiden:
Spoiler for Hiden:
4
Pokémon - RPG / Re:Cidade de Pallet
« Última Mensagem: por tiago_rubrey Online Março 06, 2018, 08:59:38 pm »
A treinadora estava entediada com aquele falatório da Rocket. Começou a chover de maneira intensa, mas nada que atrapalhasse a luta que se iniciava novamente. Foi surpreendida, contudo, com a intervenção de Yellow em curar os parceiros do trio que acabava de se juntar, sorrindo singelamente como um agradecimento. Aura agachou-se, passando a mão pelo chão de terra molhada misturada a gramíneas - estava escorregadio. Precisava ser estratégica, poderia ser óbvio demais atacar com Rocky. - Preciso de um ataque surpresa -, pensou. Olhou para Rocky, o qual retribuiu o olhar determinado para ela e assentiu com a cabeça - era como se ele conseguisse entender suas expressões faciais.

Aura girou o corpo para trás como forma de pegar impulso, e correu em direção à oponente em alta velocidade. Segundos depois jogou seu peso contra a grama, escorregando em uma manobra de "carrinho". Esperava que os outros cuidassem do pokémon cobra enquanto isso, assim poderia distrair a mulher.

Rocky, por outro lado, foi ao auxílio de Squirtle e Charmander. Ele correu em alta velocidade, usando o TACKLE.
5
Pokémon - RPG / Re:Cidade de Pallet
« Última Mensagem: por Danny Online Março 06, 2018, 12:48:09 pm »
Um sorriso quase formou-se no canto dos lábios do treinador, contudo, a batalha ainda não havia chego ao fim e a treinadora junto ao seu Arbok mostravam-se extremamente intimidadores. Enquanto a Rocket balbuciava palavras acerca de um Pokémon extremamente poderoso, Damien pôs sua mente para trabalhar. - "Mas que tipo de Pokémon poderia ser...? Não tenho dados o suficiente, mas nunca encontrei nada com essas características. Poderia ser um dos três lendários?" - Concetrava-se, e por um breve instante todo o HP de Charmander fora recuperado com um singelo toque de Yellow - ação que fora, agora, atentamente observada por Damian, deixando-o boquiaberto mediante o milagre feito.

A chuva agora parecia não mais incomodar Charmander, ao menos, não de forma letal como anteriormente o que tranquilizou Damian.

Antes que o treinador pudesse agradecer e até mesmo perguntar como a treinadora havia realizado tal façanha, o Pokémon réptil opositor não esperou um comando e avançou de forma voraz contra o quarteto. - CHARMANDER!!! - Trovejou o garoto. O lagarto flamejante balançou positivamente a cabeça e correu em direção ao Arbok com as garras afiadas afim de arranhá-lo, seguido do TACKLE e por fim, tentou empurrá-lo com o próprio corpo na intenção de afastá-lo dos demais.





(IMAGEM MERAMENTE ILUSTRATIVA)

6
Pokémon - RPG / Re:Cidade de Pallet
« Última Mensagem: por UrbanShark Online Março 04, 2018, 03:57:59 pm »
- O que posso fazer? Meu Squirtle foi bem treinado!! - Falou tentando não demonstrar nervosismo, pois sabia que a situação não era boa, mesmo lutando juntos os 3 pokémons não seriam pareos para Arbok, porém quando a mulher lhe fez a proposta, ele apenas fechou os olhos e sorriu enquanto fazia uma reverencia com ambas as mão nas pontas do vestido - Agradeço a oferta, mas esse tipo de ideia nunca acaba bem, além do mais, o uniforme de vocês é meio sem graça!!

- É você tá certa, mesmo se nos juntarmos não vamos ter chance, mas acho que vai ser divertido tentar, já que aqueles patetas que estavam com você não deram nem para o aquecimento!!

Por mais tentadora que fosse a proposta ele não iria sucumbir, porém o tal pokémon invencível que ela insistia em citar lhe deixou um pouco curioso - E que pokémon incrível é esse?

Ele então olha para o lado e se depara com Yellow curando seus pokémons, mesmo não fazendo ideia de como ela fez isso, ele olha de canto de olho para a garota - Obrigado... mas, acho que você deve sair daqui, não quero que uma garota tão bonitinha se ferindo!!

Mas antes de ouvir uma resposta Arbok avança contra a treinadora, ele então pula na direção de Yellow tentando agarra-la de maneira que ambos caíssem no chão e impedisse a investida da cobra
7
Pokémon - RPG / Re:Cidade de Pallet
« Última Mensagem: por Eilchen. Online Março 01, 2018, 11:30:24 pm »
A tempestade está tão forte, que o barco sumiu no meio da chuva. As luzes no deposito também estão um pouco ofuscadas.  O Solo molhado está tornando a terra praticamente uma lama. A tempestade é notória que não é normal, há tempos não se via algo assim. O forte vento empurra todos na mesma direção, a direção oposta do mar.

A chuva causada pela tempestade afeta os pokémons de forma diferente. Para Squirtle a chuva é como uma benção no meio da batalha que está por vir. Para Bulbassour ele se sente animado, a chuva parece estar dando energia. Mesmo Charmander, a água não afeta suas chamas, a água se desfaz antes de tocar o pokémon.
Rocket

Ela caminha até ficar a frente de vocês, com seu Arbok do lado. Aparentemente irritada, ela fita cada um de vocês e inclusive os pokémons. A Rocket parece estar analisando calmamente cada pokémon. Um raio desce do céu, cai afastado, mas é o suficiente para iluminar o local. Mostrar a expressão dela irritada e toda molhada.

- Vocês me atrasaram, eu preciso levar todo esse carregamento para o nosso líder. Não acredito que 6 Rockets perderam para um Bulbassaur, um Squirtle e um Charmander no meio da chuva.

- Devo admitir que vocês são fortes, apenas três derrotarem seis rocketes. O que acha de se juntarem a nós?

- Será uma oportunidade exclusiva, nosso líder está quase conquistando toda Kanto. Agora ele tem um Pokémon incrível e um poder insuperável, com seu poder irá liderar todos com igualdade. Juntos faremos de Kanto um mundo melhor.

- Vejam, vocês não em nada a perder. Irão conhecer o Pokémon mais forte do planeta, um Pokémon invencível, lutarão por um mundo melhor, também irão conhecer nosso líder forte e destemido, e além do mais, não possuem a menor chance de vencer essa batalha.

- Nem mesmo a lendária mestra Blue é capaz de vencer nosso líder – ela começa a gargalhar

- Acho que ela não é capaz nem de me vencer, o que dirá do nosso líder.

Arbok fica ao lado da Rocket, na posição de cobra parece estar olhando para todos. A língua para fora balançando e sua cara assustadora.

Yellow
Enquanto a Rocket fala, ela caminha escondida até ficar próxima dos Pokémons. Sempre segurando a maleta com força, como se estivesse protegendo.  Assim que se aproxima dos pokémons toca cada um e o HP é recuperado.

- Eu estou sem meus pokémons, mas ainda posso ajudar curando os pokémons.
Após curar todos pokémons de vocês Yellow, se posiciona no meio de entre vocês e a mulher.

- Ninguém é tão forte que nunca foi derrotado, ninguém é tão fraco que nunca conseguiu vencer. – Yellow olha para vocês – Pallet precisa da ajuda de vocês, naquele barco ela está roubando os mantimentos que seriam entregues para pessoas de cidades sob o domínio Rocket.

- Eu acredito na Blue, acredito nos meus amigos e também acredito nós mestres lendários que uma vez venceram os Rockets.


- Não é verdade isso.!

- Estou levando os mantimentos para distribuir igualmente entre os necessitados. Você não sabe o que fala.

- É uma pena que esses mestres não são capazes de repetir essa sorte! E essa tal de Blue, é realmente lendária, cadê ela para me enfrentar?

A Rocket olha para seu Pokémon, Arbok parece sorri, com um bom treinamento o Pokémon entende que ela está dando um comando de ataque. Com movimentos ágeis ele parte para cima de Yellow.

A alguns metrôs de distância de Yellow, Arbok está se preparando para fazer seu ataque. Yellow está sem Pokémon, no meio da cena.

8
Pokémon - RPG / Re:Cidade de Pallet
« Última Mensagem: por Danny Online Fevereiro 17, 2018, 11:47:32 pm »
Damian ainda estudava as prováveis causas da chuva que caía, contudo, a preocupação para com Charmander ocupava em demasia sua cabeça, de forma que este deixou de lado toda e qualquer outra preocupação que não fosse o parceiro e sua cauda flamejante. A jaqueta do treinador era a única coisa que protegia a cauda do Pokémon flamejante.

Seus olhos buscaram o campo de batalha, e embora não tenha esboçado sequer um sorriso, ficou contente ao ver que grande parte dos inimigos haviam sido abatidos - isso até o momento em que Arbok ganhou espaço. Primeiro, a Rocket ordenou que Arbok trucidasse seus próprios companheiros de maneira brutal. O treinador semicerrou os olhos, evitando a imagem dos homens desfalecidos. Em seguida, tratou de observar os outros dois treinadores com seus Pokémon. - "Embora tenhamos saído vitoriosos, as chances são mínimas... Esse Arbok está pelo menos no level 22..." - Mordiscou o lábio inferior, temendo que não fosse capaz de vencer aquela batalha. Por último, Damian olhou para Charmander que - ainda que enfraquecido - mostrava-se corajoso diante do desafio, encarando o Arbok de forma desafiadora com o "Growl", emitindo uma baforada pelas narinas. (Charmander tem nariz? xD) - CHAAAAR!
9
Pokémon - RPG / Re:Cidade de Pallet
« Última Mensagem: por tiago_rubrey Online Fevereiro 16, 2018, 08:13:07 pm »
Aura comemorou a vitória sobre o Rattata, entretanto, sua felicidade durou pouco. Com uma ação covarde, a mulher que parecia ser a líder daqueles recrutas ordenou que seu Arbok os atacasse, deixando-os em contato com uma possível morte. Estava horrorizada com aquele ato, como alguém podia atacar os próprios parceiros de equipe de maneira tão brutal. Respirou fundo, procurando controlar as palpitações que seu coração desferia contra seu tórax, franzindo os olhos de um modo mais indignado, exprimindo a perda de uma inocência que acabava de perder. - M-Mas... como isso é possível? - Olhou de relance para Nobuna e Damian, esperando que a força dos três combinadas pudesse dar conta do inimigo.

Rocky grunhiu, encarando a Rocket de forma desafiadora. Era um Bulbassaur de temperamento difícil e indomável, o que explicava sua postura por vezes impulsiva diante de alguns inimigos. Mesmo sem o pedido da treinadora, o monstrinho abriu sua boca e emitiu um forte rugido, utilizando o "Growl" para afugentar o pokémon cobra.
10
Pokémon - RPG / Re:Cidade de Pallet
« Última Mensagem: por UrbanShark Online Fevereiro 14, 2018, 09:19:55 pm »
Quando o ultimo ataque fora dado, Yuu suspirou aliviado por um momento, enquanto via seu pokemon vitorioso correr na sua direção, o mesmo se abaixou e acariciou a cabeça do pokémon, levantou-se então e olhou a sua volta para analisar a situação e ao mesmo tempo já ir procurando uma rota de fuga.

Ver aquela mulher matar seus proprios aliados fez com que um calafrio percorresse sua espinha, o mesmo deu um passo para trás exitando aquele combate, talvez tudo que tivesse que fazer era segurar aquele Arbok até algum tempo, o problema é "e se ninguém aparecer".
Páginas: [1] 2 3 4 ... 10
SMF 2.0.10 | SMF © 2014, Simple Machines
Simple Audio Video Embedder

FaleRPG, Mensagens Recentes - Theme by Mustang Forums
Página criada em 0.399 segundos com 24 procedimentos.